Cruz Vermelha acompanha situação de 500 pessoas evacuadas pela Vale


A equipe da filial Minas Gerais da Cruz Vermelha Brasileira (CVB-MG) está em Barão de Cocais, região central do estado, onde foi anunciada, na manhã desta sexta (8) a evacuação de aproximadamente 500 pessoas das comunidades de Socorro, Tabuleiros e Piteiras. A ação foi realizada pela mineradora Vale, frente ao risco de rompimento de barragem sul superior da mina Gongo Soco.

A Cruz Vermelha está se fazendo presente no local, tomando conhecimento da situação das famílias. Algumas foram encaminhadas a um Ginásio Poliesportivo. O objetivo é avaliar a demanda da população desabrigada da área de risco, suas condições e necessidades de primeira importância .

A Defesa Civil, o Corpo de Bombeiros Militar e a Polícia Militar também acompanham a situação das comunidades desalojadas. A equipe da Cruz Vermelha participa de uma reunião com as demais autoridades, durante a tarde desta sexta, para se colocar à disposição em eventual necessidade de ação humanitária.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *